Go to Top

Engenharia de produto

- ENGENHARIA DO PRODUTO

Pesquisa Técnica

Todo calçado deve ser baseado em um estudo profundo de ossos, nervos, tendões, músculos e da nossa biomecânica ao caminhar e estar em atividade dinâmica. São informações preciosas que consideram toda a formação de nossos pés para que depois o calçado não cause nenhuma espécie de fadiga, dor, cansaço ou desconforto. Um calçado que não parta destes estudos, pode comprometer até outras partes ou funções do nosso corpo.

Desenvolvimento do projeto

Os calçados têm seus processos e produção, testes de desempenho e qualidade dentro de um padrão rigoroso que são realizados por atletas profissionais, grupos especiais de ações táticas, além de ensaios em laboratórios de análise técnica, fisioquímica e biomecânica. Depois o setor de desenvolvimento e engenharia cadastra a ficha técnica do produto e valida sua construção no processo produtivo, além disso, as informações servem de subsídios para melhoria contínua da qualidade dos produtos já em linha. Conheça agora um pouco mais sobre como são fabricadas os produtos White Lake.

Concepção e design

Além de todos estes procedimentos, a equipe de desenvolvimento da White Lake considera todo o feedback dos testes de campo, fornecidos pelos atletas e grupos especiais, e também dos clientes, que são outra fonte de informação importante.
Mas não para por aí. A White Lake está sempre acompanhando o que há de mais novo, através de literatura específica e sempre em sintonia com o que há de melhor no mercado internacional.
Dessa forma, a equipe encampa a filosofia da empresa do desenvolvimento contínuo, sempre buscando novidades que agregam valor ao produto, como novos materiais têxteis, couros, borrachas biodegradáveis, tecnologia de amortecimento de impacto, procurando com isso, oferecer a melhor opção de calçado adequada a finalidade de uso dos seus clientes.
Um exemplo de tecnologia avançada White Lake é o sistema DRY, encontrado em alguns modelos. Este sistema é composto por uma membrana especial de poliéster, impermeável, que aliada ao sistema de de selagem de costuras compõe um completo sistema eficaz de impermeabilidade externa e transpiração interna, ou seja, o DRY impede a passagem de água externa e permite a saída de suor de dentro do calçado.