Go to Top

Processo produtivo

- PROCESSO PRODUTIVO

O Corte

O Cabedal é a parte superior do calçado, composto por diversas peças em couros, tecidos e espumas. Todo este material é separado por lote, conforme o planejamento da produção. Depois de separado o material, é feita a distribuição para o setor de corte. Utilizando-se de ferramentas de corte desenvolvidas especialmente para cada modelo e tamanho de calçado fabricado, são cortadas todas as peças de couro, tecido, espuma e palmilhas, que somam aproximadamente um quebra-cabeça de 40 partes que compõe o cabedal.
O sistema de controle de qualidade faz parte do processo em todas etapas da produção, a começar pelo corte. Todas as peças e componentes são revisados afim de garantir uma construção homogênea e um desempenho sustentável.

A preparação

Após cortadas, as peças ainda passam pelo processo de preparação, onde os materiais são chanfrados, conformados e unificados com adesivos, a fim de garantir a melhor ordenação durante o pesponto.
Dessa forma a junção exata e aferida das peças do cabedal proporciona uma sequência de processos uniformes que permitem uma melhor conformação, montagem e conforto do calçado durante o uso, dentro dos padrões White Lake de qualidade.

A costura

No pesponto, a manutenção da qualidade exige um controle mais rígido. Todas as peças, antes de serem pespontadas, recebem marcações e apontamentos que são a referência guia da costura, além disso, são fundamentais para que os calçados sejam produzidos sempre seguindo o padrão pré-determinado.
Para cada tipo de costura, é utilizado o equipamento adequado, pois a diversidade de modelos para fins específicos é quem determina o material e a forma de costura que oferece a maior resistência que é sinônimo de garantia da qualidade.

A montagem do Cabedal

Depois do cabedal costurado, o setor de montagem seleciona as fôrmas conforme o plano de produção e confere os lotes para início da conformação do cabedal no molde.
Através do processo de choque térmico e montagem da base do adesivo termo-reativado, o calçado começa a ganhar forma, iniciando pelo bico e terminando no salto, onde todo o cabedal moldado ganha forma de calçado.
Depois da conformação, o cabedal é lixado em toda superfície de colagem, para garantir maior homogeidade no processo e uma posterior vulcanização a frio perfeita.
Além disso, algumas atividades específicas necessitam de maior proteção e sustentação, portanto, alguns modelos recebem uma vulcanização lateral sobreposta ao couro.

A preparação da sola

Paralelamente ao processo do cabedal, acontece outro que é a preparação dos solados, onde acontecessem os processos de asperagem, limpeza e halogenação são fundamentais para que  a colagem seja completa, segura e confiável, pois seguramente “fabricamos qualidade”.
A sola passa então por um processo de asperagem da superfície de contato, que é importante para obter uma aderência máxima. Depois é limpa por um aspirador industrial para remover todas partículas e recebe halogenação, aplicado para que qualquer vestígio de gordura seja eliminado.
Com todo este processo, a White Lake garante uma aderência perfeita entre o solado e o cabedal, característica fundamental para calçados de alta performance, constantemente exigidos ao limite. Agora a sola está pronta para receber adesivo e seguir sincronizada para a montagem do seu respectivo cabedal.

A colagem e montagem final

Processo e procedimento que envolve tempo, temperatura, pressão, limpeza, homogeneidade, controle e atenção, tudo isso para que os calçados White Lake continuem alcançando o topo.
Usando os melhores adesivos e praticando uma exclusiva técnica de colagem, o conjunto cabedal e solado recebem uma camada de adesivo especial, aguardam seu tempo de cura e depois são reativados em temperatura controlada para obter a fusão completa do adesivo e garantir a união perfeita do solado no cabedal. Depois do tempo de resfriamento para aderência total do adesivo, finalmente a fôrma é retirada e o calçado já ganha forma.

O controle final e a embalagem

O controle final inspeciona todos os pares com o objetivo de manter a perfeição que faz parte de um trabalho de qualidade.
Tudo é observado: a fixação das fitas de contato, os rebites, ilhoses, couro, forros, palmilhas, cadarços, solado. Tudo isso para garantir que o produto chegue até o consumidor impecável.
No final, cada calçado é cuidadosamente embalado e junto é colocado o seu certificado de garantia e recomendações de conservação e limpeza. Tamanhos, modelos, cores. Tudo é conferido antes da expedição.

Garantia

É no certificado de garantia que o consumidor encontra informações muito importantes. Lendo atentamente, o consumidor saberá como usar o produto e como cuidar dele para ter a máxima durabilidade e conforto. Muitos cuidados que a princípio podem parecer irrelevantes, como a maneira certa de calçar e apertar o cadarço, ou qual o tipo de meia, são na verdade muito importantes e devem ser observados para o consumidor ter uma experiência confortável e satisfatória no uso do seu calçado. Por isso devemos orientar o consumidor a ler as informações do termo de garantia e esclarecer eventuais dúvidas.